29 abril 2010

Sem meias palavras


O Corinthians pode ganhar de dois gols de diferença do framengo semana que vem se o time estiver a fim de jogar bola. É só querer, chegar com a mesma vontade do último jogo do Paulistão. É só entrar com 11 em campo. Basta ser Corinthians para reverter o placar indigesto do Maracanã.

Motivo para desespero, desesperança ou descrença? Agora não é hora disso e o corinthiano de alma e fé sabe o que precisa fazer quarta que vem no Pacaembu. Sem faixas, sem bateria e só no grito, iremos para cima do adversário como ninguém jamais viu. É para sair do Templo Sagrado exaurido
e certo do dever cumprido, como se tivéssemos estado em campo. Ganhar ou perder, classificar ou não, isso são outros quinhentos.

Não li nada, não vou assistir a nenhum programa, não quero nem saber das desculpas esfarrapadas do técnico para outra derrota com um a mais em campo. Eu só cobro comprometimento real, aquele que a gente vem pedindo sempre para o nosso Ano do Centenário. Somos o time das causas impossíveis, e essa nem impossível é. Então, sangue no olho para passar o carro e continuar a caminhada rumo à taça.

VAI CORINTHIANS! MINHA VIDA, MINHA HISTÓRIA, MEU AMOR!

10 comentários:

Bruno Ferraz (sOUL) disse...

É só jogar bola coisa que o time não fez ontem.

Mano tem que repensar esse meio campo aí, coitado do Jucilei, vai queimar ele, afinal de contas joga muito mais não é meia, Danilo deixa demais a desejar não arma nada.

Mais eu confio.

O CORINTHIANS CRESCE NA ADVERSIDADE.

ABRAÇO!

Jeferson Ferreira disse...

Eu acredito no Corinthians, mas não nesse time, nesses jogadores, nesse técnico, nessa diretoria. Aí é tá o problema.

Matheus Antunes disse...

Fica difícil comentar um "meio-jogo", na verdade. O primeiro tempo não existiu, e futebol é feito de dois tempos de 45´ com um intervalo de 15´, como todos sabemos. Mesmo o 2º tempo foi prejudicado pelo aguaceiro que caiu. Até aí, 3 pontos e a vantagem pro flamengo.
No entanto, por mais que não alivie, é necessário observar que uma decisão que seria em dois jogos passou a ser em um só e tendo us carioca com a vantagem. A chuva estragou o jogo, e sequer a expulsão representou vantagem ou o pênalti cometido pelo Moacir merece repreensão, porque o menino estava jogando muito e sua confiança no jogo talvez o tenha feito crer que chegaria apenas na bola. Pode ser, nunca joguei no Maracanã, muito menos nessas circunstâncias, pra saber.
O Corinthians jogou o futebol que conseguiu, o Julio Cesar pegou uma bola no susto e vacilou em outra que bateu no travessão, o Jucilei foi o melhor em campo, o Ronaldo está de brincadeira mas mesmo assim deu o gol de empate para o Jorge Henrique fazer e o Iarley (é assim que escreve?) impediu, o adversário foi humilde e competente e o jogo acabou do jeito que sabemos.
Semana que vem, em casa, todos sabemos: Glória ou lamento. Êxtase ou resignação. Nem por causa do campeonato em disputa, mas por causa da atitude do Coringão. Essa é a questão. Há três alternativas possíveis:
1- Revertemos a situação e passamos, e não se fala mais nisso;
2- Não revertemos, não jogamos nem lutamos nem somos Corinthians, e aí a merda está feita e só Deus sabe o que vai acontecer; e
3- Jogamos muito, exaurimos cada gota de suor e sangue e mesmo assim não alcançamos o objetivo, e juntos reconhecemos que não era para ser desta vez. Nesse caso, o Corinthians sai aplaudido de campo. Mas é uma hipótese praticamente descartada.
Faça seu pedido, Fiel!
De minha parte, sou CORINTHIANS até depois da morte, e quero um número 1, por favor...

Daniel disse...

Isso aí, Cláudio, o futebolzinho apresentado por alguns jogadores ontem foi de matar, mas nossa FÉ é maior que qualquer má fase, e NÓS levaremos o CORINTHIANS à próxima fase no grito!!!!!

Tinha que cancelar os ingressos dos "cus-pesados" e transformar o Pacaembú inteiro em arquibancada.

Já vencemos adversidades muito maiores, e o CORINTHIANS só cresceu nessas situações. Nossos CEM anos de história entrarão conosco em campo na próxima quarta.

Abraços!

"E na vitória ou na derrota eu grito forte, Corinthiano eu serei até a morte! Vai Corinthians!"

Filipe disse...

AQUI É CORINTHIANS!!!

O meigo tem a sorte de um moleque do Leblon. A chuva armada igual uma macumba, que despencou, é grande prova de sorte do meiguinho maroto.

Pacaembu, quarta-feira, acho bom jogar bola pra ganhar. Capacidade tem. E de fato, não é impossível.

VAI CORINTHIANS!!!

storm disse...

Como corintiano sinto vergonha e revolta de ver técnico, dirigente e muita gente da torcida omissa em relação ao Ronaldo, vergonha mesmo, Corinthians centenário, de passagens bonitas feita com muita garra, suor e comprometimento, de jogadores que mesmo que simples e não tão ”fenomenais” honraram essa camisa e souberam o que ela representa pra tanta gente, gente que ja sofreu muito mas esteve sempre ali do lado do Clube… fico revoltado que ninguém com coragem e vergonha na cara e tire ele do time…

Corinthians com essa gente que ta lá hoje está acabando com o corintiano é na essência, mesmo sendo taxado de sofredor(com orgulho) e sofrendo chacotas(dessa mídia bambistica) sabe muito bem lidar com isso pq o que importa é só o Corinthians e nada mais, e mesmo quando acontecia motivos pra isso sabia que perdia mas lutava… Fora que essa diretoria hoje que elitizar a torcida, o Corinthians é o time do Povo, e pelo o que eu saiba O Povo não é rico…

Vai Corinthians e que não for corinthiano que vá PQP…

Álvaro disse...

Estive nos dois 4x1 (83/84) e num deles, lembro que fomos ao jogo já sabendo que o Doutor iria jogar com o joelho baleado.

Era visível o sacrifício, mas precisávamos vencer por 2 gols. Foi dos jogos mais emocionantes da minha vida nos estádios.

Pergunto: se alguém leu a entrevista de hoje, acha, em algum momento, que aquele imbecil tem algum compromisso com o centenário?

Esse imbecil não merece limpar a chuteira do Doutor.

(Estava até tolerante, pois achava que era um problema de depressão mesmo. Mas depois da entrevista "tô nem aí", ele que vápraputaqueopariu!)

Corinthiano disse...

Ganhar ou perder, classificar ou não, isso são outros quinhentos.
Perfeito!

É isso entrar com a faca nos dentes e tranqulidade pra reverter.

Abraços

Clayton

Corinthiano disse...

Ganhar ou perder, classificar ou não, isso são outros quinhentos.
Perfeito!

É isso entrar com a faca nos dentes e tranqulidade pra reverter.

Abraços

Clayton

Forza Palestra disse...

Japonês,
Não que eu torça por isso, mas recomendo que o senhor já vá preparando o bolso para pagar dois vales-puta para o Ronaldo.
É assim que vai ser.
Abraços