29 maio 2008

3


Há 3 anos, eu disse o mais importante sim. Para a pergunta mais fácil que havia para responder. Desde então, só me faz ser feliz esse sim.

São 3 anos que valem uma vida. E que venham milhares pela frente! Amo tu, Evita!

"A
eva e eu
eu e ela
eva e eu
gosto pela terra
onde jorra
o esperma, a estrela, a primeira, o primeiro amor
quando o céu mudou de cor

eva e eu
nosso excesso,
sexo, ex-céu
nosso fim começo
eu e ela
uma célula, pérola, pétala sob o sol
quando a tarde escureceu

eva e eu
a costela dela
sou eu
minha mãe matéria
me leva
onde a terra tem cheiro, onde chove, onde a chuva cai
para onde o tempo vai

onde a carne tem gosto e o rosto enrugará
onde canta o sabiá"


4 comentários:

evaodocaminhao disse...

amar pela terceira vez o que foi nosso é tão surpreendente que constitui outra primeira vez...

Forza Palestra disse...

Japonês, o poeta.

ClaudioYidaJr disse...

Eu não, o Arnaldo...

Filipe disse...

Parabéns!!!

Abraço.