13 maio 2010

Luta, sempre


Se você atravessa a rua ao ver um negro na calçada, se você fica desconfiado de um negro que está ao seu lado na fila do banco, se você acha estranho um negro dirigindo um carro melhor que o teu, se você não deixa seu filho ou sua filha namorar alguém que é negro, se você diz que "não sou preconceituoso, minha empregada é até negra", se você admira o Pelé (o maior anti-negro desse país), se você sempre procura um negro no banco de trás de uma viatura, se você não suporta a idéia de ter um negro como chefe, se você espera outro elevador caso tenha um negro lá dentro, se você nunca beijou ou deu um abraço em um negro... Saiba, você é um merda.

13 de Maio - Luiz Carlos da Vila

4 comentários:

Bruno Ferraz (sOUL) disse...

Forte o texto e real mesmo mano.

O Preconceito de modo geral é péssimo, o Racial creio ser o pior de todos.

Abraço!

João Medeiros disse...

Reproduzido. Um texto assim não pode se submeter a patentes e direitos autorais. Faz tão bem quanto o remédio mais caro, distrubuido de graça para devolver vida a quem precisa. De qualquer forma, citei a fonte. Você merece a reverência e a referência. Abraços.

Forza Palestra disse...

Se me permite:

Chupa, Luydy!

Filipe disse...

Salve, corrente dos Preto Véio!