06 fevereiro 2009

Os barões brigam e a gente paga


Desgastada há um bom tempo, a relação entre o clube leonor e a FPF foi fortemente abalada no fim de 2008, quando o presidente da entidade, Marco Polo Del Nero, jogou na imprensa a denúncia de suborno ao árbitro que apitaria a partida decisiva entre spfc e goiás. Isso teve, aliás, grande simbologia por conta da moeda de troca - ingressos do show da Madonna - o que fez com que o arranjado campeonato fosse batizado de Madonnão 2008. E o que isso tem a ver com Corinthians?

Bom, tem a ver com Corinthians e também com palmeiras. Del Nero, ciente de que o maior dos clássicos que acontece em 8 de março vai ter casa lotada, resolveu aproveitar que o mando do jogo é da Federação e transferiu sua realização para a distante cidade de Presidente Prudente, mais de 6 horas de viagem a partir da capital. Natural seria que a partida fosse realizada no panetone, mas por conta da briguinha de cumadres a FPF decidiu não encher os cofres leonores. Tacou o derby para o interior e fodeu com a vida de corinthianos e porcada.

Como é de praxe, a baronada briga e se descabela e a plebe, que não tem nada a ver com o assunto, paga o pato. Por que, meu Deus, esse jogo não é marcado para o Pacaembu? Qual a lógica desse filho da puta do Del Nero para colocar um Corinthians x parmera a 600 km de sua sede natural? A única explicação, a meu ver, só pode ser beneficiar a imagem pessoal do cartola.

E antes que alguém queira defender,
que se dane o torcedor do interior. Por que esses barnabés não reclamam que um Corinthians x Oeste de Itápolis é realizado em São Paulo? Querem pegar só o filé mignon, os espertos? Aí se eu sugerir que se quebre toda a porra dessa cidade de merda vão me chamar de radical, intolerante e podem até me processar criminalmente. Porra, espero esse jogo há um ano e corro o risco de não assisti-lo. Não há racionalidade e sensatez que barrem qualquer ação desequilibrada.

Mais uma vez, a canalha não se entende e tanto nós quanto os rivais nos damos mal. Se é que tem um lado positivo, o caso serve para deixar explícito os papéis de cada um nesse mundo do futebol. Quando eu falo do inimigo por aqui, não estou apenas me baseando em teorias conspiratórias. Fica outra lição que a gente deveria aprender, lamentando sempre o que fizemos 70 anos atrás.

À merda com a FPF e o prefeito de Presidente Prudente!

4 comentários:

Claudio Yida Jr disse...

E eis a guerra declarada, meus caros. O inimigo!!!

Da Falha:

"A diretoria são-paulina também justifica a mudança de tratamento ao Corinthians com as reformas para adequar o Morumbi à Copa de 2014.

O clube alega que perdeu 5.800 assentos no anel superior por causa de um espaço VIP feito em parceria com a Visa. E essa perda é vista como um dos motivos para a redução do espaço aos visitantes.
Segundo um diretor do São Paulo, outra intenção é impedir que os membros de torcidas organizadas usem e depredem banheiros recém-reformados.

'É verdade que quebram os banheiros, mas não tomei essa medida pensando nos sanitários', declarou Juvenal. Ele negou informação dada por um de seus dirigentes de que falaria com o presidente corintiano, Andres Sanchez, para avisá-lo da decisão. 'Desde quando preciso avisar alguém de que vou cumprir a lei? Lei cumpre-se, e pronto'.

Por meio de sua assessoria, Andres disse que não foi informado oficialmente, mas que, 'se acontecer, será um desrespeito com a torcida [corintiana]'."

Forza Palestra disse...

Pois é, meu caro, os filhos da puta brigam (ou fingem que brigam) e sobra pra gente. E eu falo em "fingem" porque não engoli ainda essa suposta briga entre FPF e SPFW. Vou escrever sobre isso no começo da próxima semana.

Por enquanto, digo apenas que Del Nero e o prefeito de Prudente têm mais é que morrer mesmo!

Forza Palestra disse...

Pois é, meu caro, os filhos da puta brigam (ou fingem que brigam) e sobra pra gente. E eu falo em "fingem" porque não engoli ainda essa suposta briga entre FPF e SPFW. Vou escrever sobre isso no começo da próxima semana.

Por enquanto, digo apenas que Del Nero e o prefeito de Prudente têm mais é que morrer mesmo!

Mônikita disse...

Tá certissimo... puta sacanagem


abraço companheiro