28 agosto 2009

Viva a Rua Javari!


O Barneschi havia publicado no dia 09 de agosto o texto "Javari, onde vive o futebol". Lá, ele relatava sua visita ao Estádio Conde Rodolfo Crespi, um templo do esporte a ser preservado e sempre ovacionado.

Pois bem. Hoje no Terra, eis a manchete: "Juventus: torcida prega ódio eterno ao futebol moderno". Não é que, de vez em quando, a abutraiada produz algo que não sirva apenas ao papel higiênico? O sujeito que não se emocionar com a reportagem é um desgraçado, um triste.

Por conta do impacto dessa matéria, vos digo: amanhã, por volta do meio-dia, já estarei pela Mooca para depois assistir, às 15h, à bela peleja entre Juventus x São Bernardo (alô, Barneschi, cadê a porra da reportagem?), compensando a falta de Corinthians no fim de semana.

VIVA A RUA JAVARI!

2 comentários:

bloguedotimao disse...

Meh, você fudeu o post que eu marquei para sair só às 12:10.

O título é o tal do "Ódio eterno" e o link leva para a matéria do terra.

Agora vou colocar você também no post.

O que se passa ali é muito do que eu presenciei com a Lusa no Canindé.

Aquilo sim é torcer!

É o mesmo clima da minha infância. Hoje eu olho para o lado e vejo um babaca xingando o jogador A ou B, pela influência midiática ou simplesmente porque não tem a mínima idéia do que é torcer.

Filipe disse...

Tô tentando ver como faço. Te ligo se eu for.