28 fevereiro 2010

Relembrando 2008


Campeonato Paulista de 2008, quarta-feira, 26 de março. O Corinthians descia a Serra do Mar para jogar no amontoado de laje contra o time médio. Vínhamos da tragédia de 2007 e o elenco, totalmente remontado, estava longe de engrenar. Ainda assim, éramos competitivos e, por conta disso, resolveram garantir os 3 pontos da equipe da casa na marra, promovendo um assalto descarado.

Campeonato Paulista de 2010, domingo, 28 de fevereiro. O Corinthians desce a Serra do Mar para jogar no amontoado de laje contra o time médio. Há um auê por conta do Cirque du Soleil que está montado naquilo que insistem em chamar de estádio. A imprensa faz festa, tentando ofuscar o marco Centenário do Time do Povo. E por conta disso, resolveram garantir os 3 pontos da equipe da casa
na marra, promovendo um assalto descarado.

Alguém ainda duvidava que isso ia acontecer? É, talvez, o único caso no futebol mundial em que o time grande é prejudicado pelo apito em benefício de um menor. A anticorinthianada não vacila.

P.S.: em tempo, deixaram todo o nervosismo pra esse jogo que não valia nada. Só espero que as infantilidades demonstradas em campo hoje não se repitam mais. Quinta-feira, às 17h, no Pacaembu, É OBRIGAÇÃO ENTRAR COM O TIME TITULAR.


---------------------------

Atualização:
Confiram o histórico do canalha José Henrique de Carvalho no blogue Retrospecto Corintiano. Sim, é aquele que conseguiu a proeza de mostrar dois amarelos para um adversário do Corinthians e não expulsá-lo.

10 comentários:

Fernando Wanner disse...

Assaltaram o grande Corinthians e não tem nenhuma vírgula falando em mídia nenhuma!!! E segue a orquestra de Abutre Neves, Flavio bambi e outros por aí, pregando o anticorinthianismo!
Estou revoltado!!!
Quinta é nóis no Paca, 3 da tarde já to na Bodega bebendo todas!!!
Saudações Corinthianas!

Filipe disse...

Essa anticorintianada de merda é uma vergonha.

E o circo do apito ainda chegou em março, só.

ACORDA, diretoria.

AQUI É CORINTHIANS!!!

Luana Rocha disse...

Foi uma arbitragem vergonhosa!

Esse José Henrique de Carvalho é famoso por ser anti-corinthiano.

Ontem jogamos mal,mas mesmo assim poderíamos ter vencido o jogo,porque acordamos e fizemos um gol,daí foi a hora dele expulsar dois jogadores nossos e ainda assim quase empatamos.

Matheus Antunes disse...

Só falta também ficar pesando no Neymar, que não aprendeu nem a limpar a bunda direito, ainda. Qualquer moleque na idade dele, em rede nacional, jogando contra a referência no seu esporte, metendo gol depois de desperdiçar pênalti, faria merda, tentaria aparecer.Se eu fosse o Chicão, talvez tivesse dado um croque nele também. Mas se fosse o Neymar, sei lá. Já tive dezoito anos também, e era folgado sem nem ter tido esse tipo de chance no futebol. Faz parte. Tem muita coisa pra acontecer ainda...
O Coringão, de seu lado, teve uma lombra, uma tiriça. Jogou pedrinha. Porra nenhuma. Foi tungado descaradamente, claro. Mas se tivesse jogado bola, venceria fácil. Se assaltado, com dois a menos e jogando porra nenhuma quase empata, imagina se tivéssemos o mínimo de futebol lá naquele campinho?
Tem chão, ainda. De repente, foi até bom. O ano começou, e o Corinthians somente agora percebeu isso. Quarta-feira passada e ontem. O ano do centenário não pode, não deve e não vai ser desperdiçado.

Claudio Yida Jr disse...

Ah, concordo com todos. O time jogou muito mal, mas foi curioso notar que as expulsões ocorreram no instante seguinte ao nosso gol.

Sobre firulas e porradas, eu acho que isso faz parte do jogo. Tanto o Corinthians não pode reclamar que nego ficou passando o pé em cima da bola quanto os palhacinhos do Cirque du Soleil não podem chorar quando tomam pancada por conta disso. Quando se joga bola sem frescura, sabe-se que qualquer gracinha abre espaço para o revide, com outro drible ou um pontapé.

André Luís Nogueira disse...

Além do árbitro ter 5 critérios diferentes para apitar o mesmo jogo, ficou claro que nossa defesa está muito desorganizada.

Ontem tinhamos Dentinho e Jorge Henrique em campo, mas o medo de errar ao tentar jogada mais ousada deve ser creditado em parte a fragilidade de nosso sistema defensivo. Como ousar tendo uma defesa de peneira qdo perde a bola?

Roberto Carlos cometeu pelo menos uma bobagem em cada jogo que participou. Tem sido um jogador decisivo, para o adversário. Precisa recordar que é um jogador vencedor e experiente. Parece que a camisa do Timão o transformou num juvenil.

Mano está contribuindo demais pro nervosismo do time. Não adianta reclamar do juiz e parar de jogar por ter "justificativa" para a derrota. Foi o que vi ontem até os dois cartões vermelhos.

É lugar comum falar da diferenciação de Ronaldo, mas a sua lentidão faz com que funcione melhor recuando e armando jogadas do que finalizando. Está faltando pegada na saída de bola do adversário e não podemos cobrar marcação dele.

Enquanto anticorintianos secam e comemoram nossa derrota, acumulamos mais uma experiência e identificamos erros importantes de postura emocional, técnica e tática. Essa é a melhor hora para errar e arrumar a casa.

No final das contas o Santos foi um ótimo Sparring para um ano de batalhas duríssimas.

Agora é parar com esse rodízio e dar rodagem pra esse time.

denyei disse...

Porra, Cláudio, seu blog é muito bom! Parabéns! É bem esse clima bélico mesmo, também não curto os jornalistas esportivos, essa corja que só quer ver nosso Time por baixo! Sempre que dá dou uma lido nos seus posts, até os que não são do Corinthians! Nem sou tão à esquerda quanto você, mas também não aguento a dupla Serra/Kassab!

SALVE O CORINTHIANS!!!

Claudio Yida Jr disse...

Fala japonês, valeu!

E fiquei sabendo que tu deu um passa-moleque nuns jogadores do bambi? hahahahhahahaha

janeiro disse...

Está claro que esse ano a Federação vai entregar o título ao santos

Filipe disse...

Só se roubarem nóis no Pacaembu. Senão, esqueçam, pequenas sereias...

Conta essa história do passa-moleque, caro Denyei!

VAI CORINTHIANS!!!