01 setembro 2008

Sabe, eu nasci corinthiano


Texto para o Informativo da Fiel e republicado oportunamente aqui, neste dia tão glorioso.

Ser corinthiano é isso mesmo. Não dá para virar corinthiano. Trata-se de uma coisa ligada ao sangue e à alma, e nos faz cogitar uma influência genética. Ao mesmo tempo, é impossível descrever essa condição de existência com uma única linha de raciocínio. Talvez o choro incontido a cada vez que revemos o gol do pé-de-anjo Basílio em 77 seja um exemplo. Talvez o orgulho de lembrar a massa alvinegra invadindo o Maracanã, aos olhos de um incrédulo Nelson Rodrigues. Quem sabe, a emoção do moleque que vai ao Pacaembu lotado pela primeira vez, com a Fiel comandando o time das arquibancadas. Ou então a ode a Neco, Del Debbio, Cláudio, Baltazar, Carbone, Luisinho, Gilmar, Cabeção, Idário, Wladimir, Zé Maria, Biro-Biro, Zenon, Sócrates, Casagrande, Wilson Mano, Neto, Ronaldo, Tupãzinho e Marcelinho.

Certamente, somos intransigentes, radicais, passionais e ensurdecedores, mas não só isso. Mesclamos raças, credos e raízes sociais. Somos o retrato do povo brasileiro e, dessa mistura, saíram a fundação dos Gaviões da Fiel e a criação da Democracia Corinthiana, entre tantos outros feitos. Um amontoado ilógico de características que, no fim das contas, nos leva sempre a uma só direção, a nossa razão de ser: o Corinthians. Parabéns Corinthians! Minha vida, minha história, meu amor!

------------------------------

Atualizações:

1) a edição desta segunda do programa televisivo Globo Esporte, além de não exibir os gols de sábado, também ignorou solenemente a data de hoje. E ainda tem gente que defende a Vênus Platinada;

2) Sanchez, a torcida não quer você. Aliás, se perguntarem pra torcida, ela não quer nenhum de vocês pelo Parque São Jorge. Desça do pedestal, maldito! E vaza!

8 comentários:

evao do caminhao disse...

me dá um cajuzinho?

ClaudioYidaJr disse...

Vou ter que beber hoje de novo hahahahahahahhahahahahaha...

filipe disse...

Viva o NOSSO CORINTHIANS!!!

E FORA CORJA IMUNDA

Fernando Cesarotti disse...

Parabéns aos rivais de verdade.

Forza Palestra disse...

O Cesarotti antecipou o meu parabéns. Mas fica aqui o registro também. Abraços

janeiro disse...

estamos voltando......

Craudio disse...

Cesarotti e Barneschi: e tem gente que defende o fim dessa rivalidade por conta das modernidades...

Filipe e Janeiro: outubro em diante só iremos ao estádio pra cumprir tabela. VAI CORINTHIANS!

Craudio disse...

Aliás, ainda aos palestrinos, é triste ver nossas festas de aniversário serem comemoradas "oficialmente" por gente tão suja.

Parabéns a todos! E o grito é daqueles que realmente amam o seu time.